segunda-feira, 1 de abril de 2013

Eucísia - terra de feiticeiras

foto A.F.F.M.

Porta de entrada no Vale da Vilariça, Eucísia encontra-se encravada entre montanhas. As encostas da freguesia estão povoadas de Zimbros que lembram tropas de assalto bravamente repelidas pelos habitantes do antigo Castro de Santa Justa.
O facto de estar localizada no Vale da Vilariça, em conjunto com a existência de água em abundância, permitiu a fixação, desde muito cedo, da população. Por esse motivo, nesta zona encontram-se alguns dos mais importantes elementos do património histórico-arqueológico do concelho: as pedras escritas de “Revides” e das “Ferraduras” e o Castro de Santa Justa.
A agricultura assume-se como a principal ocupação da população, destacando-se as produções de azeite, amêndoa e cortiça.
Eucísia é também conhecida como a terra das feiticeiras. Reza a lenda que quando a freguesia pertencia ao arcebispado de Braga, havia um padre, do Minho, que costumava visitar a Igreja para verificar se tudo estava bem. Uma noite, após um lauto jantar na casa onde estava hospedado, o padre foi-se deitar. Durante a noite, depois de sentir necessidades fisiológicas, dirigiu-se à cavalariça onde acabou por adormecer e ficar até ao dia seguinte. De manhã, quando o descobriram, o padre desculpou-se dizendo que tinham sido as feiticeiras a levá-lo para tal local. Assim começou a correr a história de que esta freguesia era terra de feiticeiras.

 http://www.cm-alfandegadafe.pt/freguesias/list/

Sem comentários:

Enviar um comentário